EU NASCI MULHER

Eu nasci mulher

Nasci para andar de vestido

Brincar de boneca

Mas eu mal sabia que poderia escolher

O que eu queria ser
Não sabia das dificuldades

Não sabia nada pelo que eu ia passar

As tpms, as crises amorosas

E quando tudo chegou

Eu não sabia como aguentar

 

Depois de todo nosso passado

De sofrermos com desigualdades

Sem ter chance de ter falado

Sobre nossos direitos

Depois de ter lutado

Só temos que ter orgulho

De termos nascido mulher

(Isabella Bramili – 802)

Deixe uma resposta